Qual terapia devo fazer? Conheça cinco tipos e escolha a sua

2 178

A saúde mental tem sido uma preocupação para grande parte das pessoas e a psicoterapia é uma grande aliada quando falamos nesse tema. Por meio da escuta, terapeutas nos ajudam a lidar melhor com dificuldades emocionais e problemas psicológicos que, muitas vezes, nos atrapalham. Existem diversos tipos de terapia, mas todas elas têm como fundamento promover o autoconhecimento e proporcionar mais qualidade de vida.

Terapia
Foto: Reprodução/Bridgemi

Para que serve a psicoterapia?

Entre os diversos tipos de terapia existentes, há uma coisa em comum: todas têm o objetivo de nos ajudar a lidar melhor com os problemas e as dificuldades que desenvolvemos ao longo da vida devido a acontecimentos que, muitas vezes, causam traumas emocionais e psicológicos. Por meio da fala, somos guiados pelo terapeuta à observação de tudo aquilo que atrapalha nosso desenvolvimento pessoal e nosso bem-estar. Por isso, a psicoterapia é uma das melhores e mais eficientes práticas de autocuidado que existem.

O autoconhecimento é o principal ponto que a psicoterapia aborda. Além disso, ela atua no tratamento de doenças como depressão, ansiedade, anorexia, estresse, esquizofrenia e outros transtornos mentais como transtorno bipolar, transtorno obsessivo compulsivo (TOC) e transtorno do déficit de atenção e hiperatividade (TDAH), por exemplo. Qualquer pessoa pode fazer psicoterapia, inclusive crianças, e ela não serve apenas para tratar doenças. O acompanhamento psicológico é um grande aliado para lidarmos melhor com todas as questões internas.

Conheça cinco tipos de terapia

Tipos de terapia
Foto: Pixabay

Com tantas questões inerentes à mente humana, a psicologia conta atualmente com diferentes abordagens para atender à demanda. No entanto, além de se identificar com o terapeuta, é importante que os métodos também estejam de acordo com aquilo que buscamos. Hoje em dia, a psicoterapia pode ser feita presencialmente ou online com preços que variam de acordo com a experiência do profissional e do tipo de abordagem. Conheça cinco tipos de terapia e escolha a sua:

Psicanálise

O neurologista e psiquiatra Sigmund Freud foi o responsável pela criação do mais famoso entre os diversos tipos de terapia existentes. Segundo ele, quando acessamos o inconsciente, muitos problemas desaparecem. Isso porque, dessa forma, entendemos as causas das aflições e isso nos leva a ressignificá-las. Na psicanálise, o paciente é conduzido a verbalizar tudo que vem à mente e o trabalho do terapeuta é auxiliar na compreensão do que cada pensamento representa. Geralmente, é uma terapia longa, que pode durar meses e até anos.

Terapia Cognitivo-Comportamental

Diferentemente da anterior, a Terapia Cognitivo-Comportamental, também conhecida como TCC, aborda o comportamento e não o inconsciente. O trabalho do terapeuta é atuar sobre os pensamentos disfuncionais que refletem no cotidiano e nos levam a problemas comportamentais. Assim, por meio de uma espécie de treino mental, a TCC nos leva a modificar crenças distorcidas e limitantes e a lidarmos melhor com tudo aquilo que nos atrapalha na realização de atividades normais. É mais rápida e dura de seis meses a um ano, em média.

Terapia de Casal

Quando o casal não consegue resolver sozinhos os problemas da relação, a Terapia de Casal pode ajudar. Esse tipo de terapia tem uma abordagem sistêmica e, por isso, foca nas relações entre as pessoas. Também é uma terapia de acolhimento, em que as discussões intermináveis são mediadas pelo terapeuta, que estimula a reflexão para a busca de soluções. O objetivo principal é promover uma comunicação positiva para que o casal tome decisões em conjunto. Geralmente, o tratamento é breve: leva em torno de quatro a cinco meses.

Terapia - tipos
Foto: Reprodução/DNA Índia

Terapia Humanista

Outro tipo de terapia bastante difundida é a Humanista, que tem como foco a autoestima do paciente. O objetivo desse tipo de terapia é ajudar a desenvolver a aucoaceitação incondicional para que possamos alcançar nosso potencial máximo. É uma terapia de acolhimento e de motivação, que se concentra nas emoções positivas e nas escolhas pessoais. O tempo de tratamento dessa abordagem varia. Isso porque questões pontuais podem ser resolvidas em poucas sessões, enquanto questões mais complexas podem demorar mais.

Psicodrama

O Psicodrama é um dos tipos de terapia que se aplicam muito bem a adultos e crianças. Isso porque essa abordagem terapêutica é fundamentada no teatro espontâneo, que usa a ludicidade para promover o olhar para dentro a partir de outros pontos de vista. O processo foca na autoconfiança e na melhoria dos relacionamentos. Para as crianças, traz grandes benefícios ao abordar os sentimentos e comportamentos com criatividade e espontaneidade. O tempo de tratamento também varia de acordo com as questões internas de cada paciente.

 

Siga-nos no 

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais

Privacy & Cookies Policy