Suco de babosa: descubra os benefícios e contra-indicações da aloe vera

0 12.151

Aloe Vera é a planta da vez e o suco de babosa também faz sucesso no exterior. Graças aos super-poderes dessa folha, ela têm sido usada historicamente na medicina ayurvédica e natural.

Apesar disso, em 2011 um parecer da Anvisa proibiu a venda, fabricação e importação de produtos alimentícios à base de Aloe Vera no Brasil com o parecer Nº 47, que veta a comercialização dos mesmos.

Portanto, lembramos que antes de iniciar o consumo de qualquer ingrediente natural, é importante consultar um médico de confiança. As informações contidas online não pretendem substituir a consulta ao profissional médico ou servir como recomendação para qualquer plano de tratamento.

Benefícios do suco de babosa

 

Apesar de ser uma receita milenar, foi apenas recentemente que o suco de babosa ganhou atenção na internet. Isso se deve ao sucesso estrondoso das receitas com a planta, em especial as de beleza natural como a hidratação com babosa ou, ainda, o óleo de babosa.

A babosa (ou aloe vera) é uma espécie vegetal com vários usos medicinais e nutricionais. A planta possui folhas verdes, com o interior suculento e cheio de gel. É desse gel que sai o suco.

O suco feito com babosa é alcalino, auxilia a função hepática e promove uma hidratação turbinada com nutrientes. Essa bebida medicinal também ajuda a tratar a constipação bem como acalma e ajuda a tratar úlceras estomacais.  Se você estiver no exterior, vale a pena experimentar a bebida. No entanto, especialistas e Anvisa alertam para o uso no Brasil, onde a fabricação é proibida.

 

benefícios do suco de babosa

 

Contra-indicações do suco de babosa

 

Em geral, o consumo do suco de babosa é considerado comum no exterior, movido pela onda fitness. Entretanto, no Brasil a Anvisa proibiu a fabricação, venda e importação do produto por afirmar que não existe histórico de consumo no país. Além disso, a agência baseou sua decisão na ausência de comprovação de segurança de uso desses alimentos.

A Política Nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos, do SUS, recomenda o uso tópico de babosa como tratamento de queimaduras de 1º e 2º graus e também como coadjuvante no tratamento de psoríase. Essa é, também, a recomendação de uso da babosa pela Agência Nacional de Vigilância sanitária.

De acordo com o Ministério da Saúde, a ingestão de um produto natural usado fora das indicações da Anvisa configura uso fora da bula. Para tanto, deve ser previamente esclarecido e conversado com seu médico de confiança.

Confira mais informações no vídeo do Dr. Gabriel Azzini, Pós Graduado em Nutrologia pela Associação Brasileira de Nutrologia:

 

 

 

 

 

 

contra-indicações do suco de babosa

 

Como utilizar a babosa na pele?

 

O gel, que dá origem ao suco de babosa, é um ótimo cicatrizante para a pele. Mas antes de fazer qualquer preparo com a planta para aplicação tópica é preciso ter alguns cuidados.

Para começar, é preciso retirar a aloína, um composto alergênico presente naturalmente nas folhas de Aloe vera.

 

 

Agora que você já removeu a aloína das folhas, é só raspar o gel do interior das folhas e aproveitar todos os benefícios mágicos dessa planta.

Segundo o Ministério da Saúde, a babosa é reconhecida pelo seu uso cicatrizante, já que a substância ativa, ao penetrar no tecido lesionado, atua para alívio de dor e redução da inflamação.  Além disso, é um bom hidratante para a pele.

Nesses casos, recomenda-se o uso principalmente em cortes e queimaduras de 1º e 2º grau. Na sequência, você aprende a preparar um leve gel hidratante, que ajuda a reparar os tecidos da pele e é absorvido rapidamente.

Essa receita pode ser aplicada após o banho ou mesmo utilizada como um pós sol para os dias de verão.

 

Ingredientes:

  • 1 folhas de babosa
  • 50 ml de água

 

Modo de preparo:

  1. Após remover a aloína, raspe o gel da babosa e transfira o conteúdo para um liquidificador;
  2. Agora é só acrescentar a água e bater bem.
  3. Aplique sobre a pele e aguarde até a absorção completa. Se preferir, você pode acrescentar uma gotinha de óleo essencial de lavanda para deixar um cheirinho gostoso na pele e ajudar no processo de cicatrização.

 

Leia também:

Babosa no rosto combate espinhas e hidrata a pele. Aprenda como usar!

Hidratação com babosa: aprenda a usar essa planta milagrosa nos cabelos

Fonte Healthline Webmd

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais

Privacy & Cookies Policy