Babosa no rosto combate espinhas e hidrata a pele. Aprenda como usar!

1 14.609

Usar babosa no rosto é um daqueles truques da vovó que até hoje faz sucesso. Isso porque a Aloe Vera é talvez um dos remédios fitoterápicos mais amplamente utilizados para pele e cabelos.

Quando usado corretamente, o gel de babosa pode ajudar a tratar uma variedade condições que afetam a pele.

Quais os benefícios de passar babosa no rosto?

benefícios da babosa na pele
Hello Glow

Em primeiro lugar, vale lembrar que existem diversos tipos de babosa na natureza. A forma mais comumente usada é uma planta chamada aloe barbadensis Miller.

Na medicina natural, o aloe vera é usado como um gel de aplicação tópica, extraído das folhas da planta. Esse uso é seguro, desde que você tenha o cuidado de remover a aloína, substância tóxica naturalmente presente na babosa.

Esses são os principais benefícios do uso da babosa na pele do rosto:

  • Age como um calmante pós-sol;
  • Trata queimaduras;
  • Funciona como secante de espinhas;
  • Hidrata a pele oleosa sem pesar;
  • Acalma a pele sensível;
  • Ajuda a clarear manchas com uso contínuo.

 

 Quanto tempo deixar a babosa no rosto?

quanto tempo deixar a babosa no rosto
Pinterest

 

Isso depende do seu tipo de pele e efeito desejado, além é claro da receita caseira escolhida. Na máscara de argila com babosa, por exemplo, o indicado é deixar agir por 15 minutos no mínimo. Esse é o tempo semelhante das receitas de hidratação.

Embora seja desaconselhado por alguns profissionais, muitas adeptas passam o gel diariamente antes de dormir, em especial para o tratamento de acne. Na dúvida, consulte um dermatologista. De modo geral, a recomendação é usar o gel na pele até 3 vezes por semana.

 

Babosa no rosto para secar espinhas e combater a acne

como usar babosa pra secar espinha
Bruna Linzmeyer

 

Para começar, um dos usos mais conhecidos da babosa no rosto. Essa planta é certamente milagrosa no tratamento de espinhas. Devido aos efeitos anti-inflamatórios da aloe vera, o gel extraído das folhas pode ajudar a tratar formas inflamatórias da acne, como pústulas e nódulos.

Se o objetivo for secar uma espinha, aplique o gel com um cotonete diretamente sobre ela três vezes ao dia. Também vale misturar com óleo essencial de melaleuca, que possui efeito secante muito potente.

Quem também aprova essa receita natural é a atriz Bruna Linzmeyer. Em entrevista à Glamour, ela afirmou que usa o gel tanto para secar espinhas inflamadas quanto como um hidratante, para quando a pele está mais ressecada. Isso porque a planta é, de fato, eficaz no tratamento de espinhas e acne de grau leve.

Para isso, você pode aplicar diariamente no período noturno ou, ainda, acrescentar o gel à uma máscara de argila verde.

 

Como fazer gel de babosa?

como fazer gel de babosa
Hello Glow

 

Para usar aloe vera no rosto, é preciso extrair o gel da planta. Isso é muito simples, mas alguns cuidados devem ser observados.

Preste sempre atenção ao primeiro corte: ele irá eliminar uma gosminha amarela, que deve ser descartada antes do uso. Essa substância, chamada aloína, é um componente tóxico da planta, portanto jamais deve ser consumida ou mesmo utilizada na pele.

Portanto, faça o primeiro corte, espere escorrer a gosma amarela, descarte essa substância e lave a planta. Aí é só descascar e amassar bem, com auxílio de um garfo, até liberar o gel.

Outra dica mais prática é colocar a polpa da aloe vera no liquidificador e bater bem. Transfira para um pote e você já pode aplicar a babosa no rosto. Depois vale guardar na geladeira, em um pote de vidro bem vedado. Dura até 5 dias.

 

 

 

Se você não conseguir encontrar as folhas in natura, algumas marcas como a Live Aloe vendem o gel pronto e 100% natural. Nesses casos dê sempre preferência para marcas de confiança, que não adicionem compostos sintéticos, parabenos ou até mesmo óleos minerais ao  produto.

 

Máscara de argila verde e babosa para pele oleosa

máscara de babosa
Reprodução

 

Agora que você já sabe como extrair o gel da babosa corretamente, hora de colocar o aprendizado em prática. Para essa receita de máscara de argila você irá precisar de apenas 3 ingredientes naturais e fáceis de encontrar.

Sua ação é antioxidante, hidratante, removedora de impureza e secante de espinhas.  O ideal é usar essa máscara 1 ou 2 vezes na semana, sempre mantendo a rotina de skincare em dia.

Como já explicamos anteriormente, você não deve deixar a argila secar no rosto. É preciso borrifar água, chá ou hidrolato para manter a máscara úmida durante a aplicação.

 

Ingredientes:

  • 1 colher (sopa) rasa de máscara de argila verde orgânica
  • 2 colheres de gel de babosa natural
  • Água ou chá verde até dar ponto.

 

Como fazer:

  1. Com o auxílio de uma colher de plástico ou madeira, misture todos os ingredientes em uma vasilha de cerâmica;
  2. Aplique sobre o rosto. Caso prefira, pode usar um pincel para facilitar;
  3. Deixe agir por 15 a 20 minutos, sempre mantendo a máscara úmida com auxílio de um borrifador.

Hidratação com babosa para o rosto

 

Geralmente, a babosa é uma planta adaptada para viver em climas secos e instáveis. E, para sobreviver às condições adversas, as folhas da planta armazenam água. Essas folhas densas em água – combinadas com compostos vegetais especiais chamados carboidratos complexos – transformam o gel de babosa em um hidratante facial eficaz, repleto de antioxidantes e com forte poder cicatrizante.

O gel de aloe vera absorve facilmente, tornando-o ideal para peles oleosas. No entanto, também pode ajudar a tratar a pele seca.

Confira na sequência 3 formas diferentes de hidratar o rosto com babosa:

 

 

 

Efeitos colaterais e cuidados

 

Para finalizar, vale relembrar – mais uma vez – que mesmo que os ingredientes sejam naturais, eles devem ser utilizados com cuidado.

Evite usar babosa no rosto em caso de queimaduras graves, acne severa ou outras feridas abertas e de maior proporção.  De fato, existem ainda algumas evidências de que o uso constante de babosa pode diminuir a capacidade natural da pele de curar feridas profundas relacionadas à cirurgias.

Além disso, alguns usuários  relatam sentir coceira ou queimação leve à medida que o aloe vera entra em ação na sua pele. No entanto, se você tiver uma erupção cutânea ou urticária, poderá ter uma sensibilidade ao gel e deve parar de usá-lo imediatamente.

Por último, não use gel de aloe vera na pele infectada. Embora o gel tenha propriedades antimicrobianas, sua camada protetora pode atrapalhar o processo de cicatrização e piorar a infecção.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais

Privacy & Cookies Policy