O que é biotina e como ela ajuda no crescimento do cabelo e unhas

Conheça os benefícios da vitamina B7 e em quais alimentos encontrar

Biotina é uma vitamina do completo B, muito importante para a saúde da pele, do cabelo e também das unhas. É consumida de duas formas, por meio de cápsulas manipuladas em farmácias e encontrada em diversos alimentos, sendo adquiridos através de uma alimentação saudável. Conheça mais sobre a importância dessa vitamina e quais são os alimentos ricos em biotina.

O que é biotina e para que serve?

A biotina é uma vitamina do complexo B, conhecido e comercializada por dois nomes, vitamina B7 ou vitamina H.

Segundo o site Tua Saúde, é essencial para o bom funcionamento das células, garantindo uma boa produção de proteínas no corpo, ajuda na formação das células do sangue, ajuda o intestino a absorver diversas outras vitaminas e estimula o colágeno da pele.

+ Vitaminas para unhas mais fortes e saudáveis: conheça as principais

Entenda para que serve a biotina (Foto: Reprodução/Unsplash)

Quais são os benefícios da biotina?

Além de manter o bom funcionamento das células e ajudar a absorver outras vitaminas, a biotina é usada para três benefícios específicos, para o cabelo, unhas e pele mais saudáveis.

A biotina é responsável por aumentar e controlar a produção natural de queratina, que é um nutriente importante para manter a hidratação do cabelo e também prevenir a queda capilar.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Além disso, a queratina produzida pelo corpo, auxilia também na saúde das unhas, deixando-as mais fortes. Por manter a produção adequada de proteínas, a biotina ajuda ainda a controlar a caspa.

Outro benefício da biotina é uma pele mais bonita, já que a vitamina B7, estimula a produção natural do colágeno, essencial para prevenir envelhecimento precoce, garante a elasticidade da pele evitando o surgimento de rugas e linhas de expressão. Para completar, por estimular a queratina natural, a biotina auxilia na hidratação da pele, livrando de ressecamentos.

Quais alimentos são ricos em biotina?

Provavelmente, você já está obtendo a quantidade diária recomendada de biotina dos alimentos que ingere. Mas se você gostaria de aumentar sua ingestão, você pode adicionar mais alimentos ricos em biotina em sua dieta.

  • Fígado
  • Gema de ovo
  • Cogumelos
  • Leguminosas (feijões, lentilhas, vagem, ervilha, grão-de-bico, soja e amendoim)
  • Cereais integrais (aveia; arroz integral; quinoa; amaranto; cevada e centeio)
  • Oleaginosas (amendoim e amêndoas)

O calor pode reduzir a eficácia da biotina, então opte por pratos crus ou minimamente processados.

A quantidade de biotina também pode variar de alimento para alimento, portanto, certifique-se de ler as informações nutricionais sempre que possível. Isso pode ajudá-lo a selecionar itens com mais biotina para seu investimento.

Alimentos ricos em biotina (Foto: Unsplash)

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Como usar a biotina para o cabelo crescer mais rápido?

A biotina como suplementação só deve ser recomendada por um nutricionista ou por um médico especialista. Não é comum a falta dessa vitamina no organismo, portanto, são poucas pessoas que necessitam suplementar.

Mas para auxiliar seu cabelo crescer mais rápido, é necessário consumir os alimentos que são ricos em biotina (estão listados acima). Além disso, é importante variar o cardápio e manter uma alimentação saudável, para que o cabelo cresça adequadamente.

+ Vitamina para cabelo: melhores receitas para fios mais longos

Quanto tempo a vitamina faz efeito?

Cada organismo é único, então o tempo pode variar de pessoa para pessoa. Mas segundo o portal Guia da Farmácia, em geral, leva-se dois meses para a suplementação da vitamina começar a trazer efeito. Vale ressaltar que, para ter unhas mais fortes, pele mais bonita e diminuir a queda capilar, é necessário aliar a ingestão da vitamina B7, com outras vitaminas e nutrientes. Além disso, o consumo de água adequado é importante para que o resultado seja o esperado.

Qual a quantidade ideal diária de biotina?

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a recomendação de vitamina B7 por dia é de 30 mg/dia. A quantidade é pouca e na maioria dos casos não necessita de suplementação, já que é facilmente ingerida com uma alimentação saudável e com os alimentos ricos nessa vitamina.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Quem pode tomar?

Antes de qualquer mudança na alimentação, é importante se consultar com um nutricionista. Mas os alimentos ricos em biotina são saudáveis e podem ser consumidos por qualquer pessoa que não tenha alergia aos alimentos citados acima.

Já a suplementação só deve ser recomendada por um médico ou nutricionista quando se tem a carência da vitamina no organismo. Além disso, não é recomendado para mulheres grávidas, lactantes e crianças – apenas se tem uma indicação médica para isso.

Adicionar mais alimentos ricos em biotina à sua dieta não traz nenhum risco. No entanto, você deve sempre consultar seu médico antes de adicionar um novo suplemento à sua rotina.

A biotina não apresenta nenhuma interação conhecida, mas seu médico ainda deve confirmar o uso do suplemento junto com qualquer outro medicamento que você esteja tomando.

O seu médico também pode fornecer mais informações individuais sobre a dosagem e os efeitos colaterais potenciais.

Essa vitamina é solúvel em água, portanto, qualquer biotina extra em seu corpo será expelida pela urina. Isso torna improvável uma overdose potencial.

Se você desenvolver uma erupção cutânea incomum ou inesperada após aumentar a ingestão de biotina, consulte seu médico imediatamente. Em casos raros, isso é um sinal de overdose de biotina.

Siga-nos no 
Comentários (1)
Comentar
  • nira

    boas informações. mt útil!