Peeling de fenol: saiba mais sobre o procedimento que rejuvenesce a pele

1 1.834

Porcelana, cristal, diamante. Talvez você já conheça esses tipos de peeling. Mas você já ouviu falar em peeling de fenol? Pois o procedimento estético ganhou fama principalmente por conta da sua potência. Sim, porque sua função é chegar às camadas mais profundas da pele para renovar as células e, assim, promover o rejuvenescimento facial.

 

O que é o peeling de fenol?

peeling de fenol
Imagem: reprodução / Pinterest

 

O peeling de fenol é um tipo de peeling químico, ou seja, um procedimento em que se aplica no rosto um ácido conhecido como fenol. O objetivo do tratamento é remover as células mortas e, assim, promover uma renovação celular. Como resultado, ocorre melhora significativa na aparência da pele, com a redução de rugas, marcas de expressão e manchas.

Ele é considerado o peeling mais profundo de todos. Isso porque consegue chegar até a camada mais interna da pele. É exatamente essa característica que faz com que o peeling de fenol seja mais eficaz que os ácidos que penetram somente nas partes superficiais da derme.

Assim como em outros procedimentos, após o peeling de fenol a pele descama para, então, começar a produzir mais colágeno. Com isso, a textura do rosto fica mais lisa e sua aparência, mais jovem.

O tempo de tratamento também é mais rápido: apenas uma sessão é suficiente. Além disso, os resultados, por serem tão surpreendentes, costumam são bastante duradouros.

 

Quando o procedimento é indicado?

tratamento de pele
Imagem: reprodução / Instagram

 

Justamente por ser muito potente, vale dizer que o peeling de fenol é também agressivo. Apesar de ser diferente de uma cirurgia plástica, demanda, por exemplo, anestesia e apenas médicos especializados podem realizar o tratamento. Até porque, o ácido fenol é uma substância tóxica e pode afetar a saúde do organismo se não for administrada corretamente.

Por isso, somente casos específicos devem aderir ao procedimento, principalmente quem tem rugas profundas ou a pele muito danificada por manchas de sol ou acne.

Por outro lado, o peeling de fenol é contraindicado em caso de pele escura, cicatrizes de queloide, pele pálida e com sardas ou verrugas faciais. Se você tem problemas no coração também deve evitar o procedimento. De fato, consulte o médico para saber se você pode ou não fazer o tratamento.

Por fim, uma informação importante: por ser tão poderoso, esse peeling não é lá muito acessível. A depender do local, da clínica e do profissional, uma sessão pode chegar ao valor de R$ 12 mil. A isso pode-se acrescentar ainda taxas de anestesia e até uma possível internação.

 

Como funciona o peeling de fenol?

ácido fenol - como funciona
Imagem: reprodução / Pinterest

 

Em primeiro lugar, prepara-se o paciente para o procedimento, visto que sua frequência cardíaca será monitorada o tempo todo. Recebe também uma anestesia local que alivia a dor do ácido.

O peeling de fenol começa com a limpeza da pele. Depois, o médico aplica a solução com fenol em todo o rosto. A pele recebe várias camadas do produto, cada uma depois de um intervalo de 15 a 20 minutos. O rosto fica branco ou acinzentado rapidamente.

Assim que todas as camadas ficam prontas, o procedimento termina com uma máscara oclusiva de efeitos calmantes. Ao todo, sessão do peeling de fenol dura cerca de 90 minutos.

 

Cuidados especiais

cuidados após o peeling
Imagem: reprodução / Pinterest

 

O peeling de fenol exige muitos cuidados antes e depois do procedimento. Confira quais são os principais.

Antes da aplicação

O primeiro passo para o paciente é fazer eletrocardiograma e exame de sangue antes da sessão. Em geral, ele também toma um remédio antiviral, já que o tratamento pode favorecer o aparecimento de herpes simples.

Além disso, o médico costuma recomendar o uso de cremes com ativos como ácido retinoico, hidroquinona e corticoide suave.

É bom evitar exposição ao sol, usar sempre protetor solar com fator de proteção acima de 30 e não fazer massagens ou depilação no rosto nos dias que antecedem o peeling de fenol.

 

Depois da aplicação

Nas primeiras 24 horas depois que finalizar a sessão do peeling de fenol, é importante tomar analgésicos e anti-inflamatórios.

Também é necessário manter uma rotina de skincare, principalmente para deixar o rosto limpo e hidratado. Nada de sol por pelo menos três meses. Por fim, vale apostar em uma alimentação equilibrada e cheia de vitaminas para dar um up na imunidade.

Quanto à recuperação, a rotina só recomeça uma semana depois do peeling de fenol. A pele deve continuar vermelha e podem surgir manchinhas brancas por um tempo. Aliás, pode demorar até três meses para o paciente se recuperar totalmente.

Já os resultados levam até seis meses para aparecer. E, apesar de ter efeitos de longo prazo, como viço e luminosidade, eles não são permanentes. Portanto, conforme o tempo passar, novas marcas de expressão vão surgir na pele.

Siga-nos no 

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais

Privacy & Cookies Policy