Veja 9 questões importantes sobre o sexo no pós-parto

0 31

Todo mundo sabe que a chegada de um bebê muda totalmente a vida da pessoa, principalmente do casal. Se os pais são de primeira viagem ou não, pouca importa, mas a criança muda a rotina dos dois, principalmente da mãe, que precisa deixar várias coisas de lado para amamentar sua criança. O nascimento de um filho é motivo de alegria para uma família, e mesmo com o resguardo da mãe, o amor entre um casal não precisa esfriar, mas claro, o médico precisa liberar o sexo no pós-parto.

Se você não sabe quanto tempo tem que esperar para voltar às atividades sexuais, após o nascimento da criança, e se tudo volta ao normal rapidamente ou não, nós te ajudaremos a sanar essas e mais algumas dúvidas frequentes a seguir.

Sexo Todo Dia? Saiba Quantas Vezes Um Casal Precisa Transar Para Ser Feliz

9 dúvidas respondidas sobre sexo no pós-parto

 

1. Por que não se deve fazer sexo após o nascimento da criança?

A mulher precisa do resguardo para se recuperar fisicamente, pois o interior do útero ainda está se refazendo das mudanças que a gravidez deixou. Fora que a penetração nessa fase é muito dolorosa, e aumenta o risco da mulher desenvolver alguma infecção no útero.

2. Quanto tempo a mulher deve esperar para transar novamente?

O médico decidirá o melhor período de abstinência, de acordo com exames e consultas, porém, de forma geral, a mulher pode voltar a praticar sexo após 30 ou 40 dias depois do parto.

sexo no pós-parto
(Foto: Divulgação)

3. Até lá, o que fazer para o relacionamento não esfriar?

O relacionamento não deve esfriar pelo simples fato de o casal não poder fazer sexo pós-parto por um período de um mês. Carícias e carinhos são permitidos, e também não há contraindicações para o sexo oral. Pelo contrário, é nessa fase que o casal precisa estar bem mais fortalecido e juntinho.

4. A recuperação do parto normal é mais demorada?

Mesmo tempo de espera, de 30 a 40 dias, de acordo com as orientações médicas. Esse parto exige mais da musculatura vaginal, e ocorre também uma redução do tônus muscular na região. Portanto, o médico pode recomendar alguns exercícios locais, como o pompoarismo, por exemplo, que vai ajudar a mulher a voltar com as atividades sexuais com o mesmo prazer de sempre.

5. Mesmo liberada para transar, é normal que a mulher não queira praticar o sexo pós-parto?

Como dito anteriormente, o nascimento da criança muda a vida dos pais, principalmente da mulher. Veja algumas das preocupações novas que podem deixar a mulher tão cansada ao ponto dela não querer fazer sexo pós-parto.

 

  • cuidados com o bebê (higiene e saúde)
  • tempo para amamentar
  • sono mais curto e desregulado

 

Portanto, é papel do pai compreender que neste momento, a mãe precisa ser 100% dedicada ao bebê, afinal, o filho é dos dois, e quanto mais você ajudar, mais rápida e disposta a mãe estará para voltar a praticar sexo pós-parto.

sexo no pós-parto
(Foto: Divulgação)

6. O casal pode ter problemas no relacionamento após o nascimento do bebê?

Nem todos os casais passam por problemas com a chegada do bebê, porém, somos pessoas distintas, e podemos ter reações diferenciadas para certas situações da vida, principalmente no sexo pós-parto. Algumas pessoas melhoram as atividades, outros pioram, mas o importante mesmo é que o casal consiga conversar sobre isso, de forma sincera. É normal que algumas pessoas fiquem mais inseguras e se sintam menos acolhidas ou enciumadas, com a chegada do bebê. Tente manter a maturidade, para que o casal siga unido e enfrente bem a nova fase, com empatia e compreensão.

7. A mãe pode mudar de comportamento? – sexo pós-parto

Mesmo que algumas mães não fiquem tão cansadas fisicamente, algumas podem focar tanto nos cuidados com o bebê, que acabam esquecendo do marido. Nessa fase, alguns homens podem se sentir rejeitados por conta dessa atenção que a mãe passará a ter com o filho. Como dito no tópico anterior, uma conversa sincera e um pouco de compreensão deixará tudo mais claro para ambos.

sexo no pós-parto
(Foto: Divulgação)

8. Como agir quando o bebê chorar no meio do sexo entre o casal?

O choro da criança pode cortar o clima do casal, então o ideal é praticar o ato quando o bebê estiver em sono profundo. Caso o bebê acorde, resolva o problema e voltem ao que estavam fazendo. Se quiserem tem mais privacidade, por pelo menos um dia, deixem o bebê com algum parente (mãe, babá, sogra). Essa questão não precisa ser complicada de lidar.

9. E se o parceiro não quiser fazer sexo por falta de interesse?

Assim como alguns homens não se sentem à vontade para transar com sua mulher estando gestante, alguns também não se interessam pelo sexo pós-parto. Na maioria das vezes, isso tem a ver com as mudanças fisiológicas que a mulher passa, e mais importante que uma conversa entre o casal, é necessário que o homem participe de todo o processo como, ultrassonografias da criança e consultas pré-natais. Assim, as etapas são melhores compreendidas pelos pais e os medos e as angústias irão embora.

Fonte: Bebê Abril

Siga-nos no 

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais

Privacy & Cookies Policy